nerdices

Dishonored: Cuidado com o que escolhe, e o que mata

Abril 13, 2018
Dishonored - Meio Julia

Eu terminei o jogo ontem e posso dizer que eu fiquei surpresa com o meu final. Sim, apesar de no decorrer do jogo eu achar que Dishonored não se resumia em escolhas, ele é sim. Suas escolhas podem decidir o quão difícil o jogo vai ficar, como as pessoas vão se comportar, e principalmente o final. Dentre outras coisas, é claro.

O jogo é surpreendente até. Só de ser um jogo que eu tenho chances de jogar novamente, ele já vale a atenção. Tem momentos que eu sou extremamente impaciente com jogos. Então, já digo, ele vale a pena jogar novamente, principalmente por ser divertido.

A diversão, raaapaaaaiz… Você se sente o rei do teleporte quando começa a dar blink nas coisas. E é o melhor ninja steampunk futurístico de todos os tempos quando começa a usar a visão. Enxergar as pessoas da parede? Pff! Posso prever todos os seus movimentos!

Dishonored - Meio Julia

Brincadeiras à parte, o jogo é mesmo divertido. Sua história não é absurdamente profunda, mas também toda a história depende das nossas ações. Tudo que você faz pode afetar o que vai acontecer. Não é como Life is Strange em que você escolhe praticamente tudo. E lógico, se você jogar várias vezes, o jogo pode ser diferente toda vez porque cada diálogo conta.

Já no Dishonored, eu acho que uma das coisas que mais afeta são as suas ações e quem você mata. O cenário é uma cidade bem cinzenta, com caos e doença espalhados pra todo canto, principalmente depois do assassinato principal. Corvo passa por várias surpresas, e provavelmente aprende em quem deve confiar de verdade.

Esse post serve mais para dar aquele meu veredito final. Você também pode conferir o post onde eu expliquei o que estava achando do jogo Dishonored até então. Eu daria 4 estrelas em 5 para o jogo principalmente pelo quanto ele é divertido. Vale a pena jogar. A história se encaixa muito bem com o ambiente e o personagem, e eu adorei ser assassina ou stealth.

Confere lá o primeiro post que eu fiz sobre, caso este seja o primeiro que está lendo e queira saber mais. Eu joguei Dishonored pela Steam e comprei ele numa época maravilhosa de promoção.  Eu gosto de comprar meus jogos por lá e direto você também pode conferir por alguns dias jogos de graça por tempo limitado. Pra dar aquele teste antes de ter certeza de que vai comprar ou não, sabe? Ah, e isso não é um publi. Mas estamos aí viu Steam? ♥

O Dishonored 2 também já está à venda para todos os consoles, inclusive, quero! Ah, e eu já estou pesquisando sobre o jogo Thief, que meu namorado tem e observou que é bem semelhante ao Dishonored. Pelo que parece, até da mesma produtora eles são. Se for um jogo atraente, quem sabe?



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Perfil

Aqui vai uma descrição massa sobre mim ne. Bem massa mesmo. Eu não sei porque, mas eu só falo "massa" quando eu to fazendo testes. Não uso essa palavra muito não... Na vida mesmo, não.


Anuncie Banner Sidebar
butlariz